10.4.08

O doce som da flauta

Estava eu ontem, quase quase pegando no sono quando começou o foguetório. Já ia começar a reclamar quando lembrei. Grandes foguetes. Mais alguém está ouvindo o som de flauta tomar conta da cidade? Só não foi mais legal que domingo, quando vi meus vizinhos da frente em Caxias dando cambalhotas e fiz coro ao "adeus, Grêmio". Claro, aquela manchete do Correio "Juventude prova que não é filial" também foi bem bacana de ler.

7 comentários:

lola aronovich disse...

Oi, Paula, deixei um post imenso (muito maior que eu queria!) no seu post Verdade Absoluta.
Quanto a esse post, nem sei o que dizer, fora: ODEIO foguetorio! Sou contra. Queria que parassem de ser feitos. Na realidade, queria que cada um que soltasse um rojao perdesse um dedo. Seria o preco a pagar por causar tanto panico entre os bichinhos (caes, gatos, passarinhos, humanos etc).

natusch disse...

Colorados FELIZES porque o Juventude ganhou... Tsc tsc tsc.

Kauê disse...

pois é...
certamente, o grêmio seria um adversário bem mais fácil na final
=/

Paula disse...

Lola
Olhando por esse lado é verdade, mas em dia de jogo eu não me importo muito... Respondido o mega comentário. E não te stressa com o tamanho, gosto mesmo é desses desenvolvimentos posteriores aos posts que o blog possibilita.

Igor
ESqueces q me sou de Caxias, babe? Feliz pela cidade e pelo Inter. :D

Kauê
Que Ju que nada, vai dar Inter e Inter de SM!

natusch disse...

Com licença. Vou curtir minhas férias futebolísticas, com a certeza de que continuaremos tendo um técnico "competentíssimo" no comando do time, e volto no mês que vem.

=\

Frau Bersch disse...

tu é colorada?

Paula disse...

Ju
Yep =D