19.6.08

Houston, we have a problem

"1.3.1 Qualidades pessoais do pesquisador

O êxito de uma pesquisa depende fundamentalmente de certas qualidades intelectuais e sociais do pesquisador, entre as quais são:

a) conhecimento da área a ser pesquisada
b) curiosidade
c) criatividade
d) integridade intelectual
e) atitude autocorretiva
f) sensibilidade social
g) imaginação disciplinada
h) perseverança e paciência
i) confiança na experiência "

Desconsiderando os primeiro itens, que entram sem problemas no manual do bom enrolador, e o que quer que seja atitude autocorretiva, há claramente uma discrepância entre a minha pessoa e o tipo de pessoa capaz de fazer uma monografia/mestrado/doutorado/diabo a quatro.
Eu podia estar matando, eu podia estar roubando... mas não, eu decidi fazer jornalismo.

4 comentários:

lola aronovich disse...

Ha, o "eu podia estar matando, podia estar roubando, mas decidi fazer ***" podia ser usado pra QUALQUER profissão, mas é muito boa a frase. Vai com calma, Paula. Primeiro faz a sua faculdade. Depois vc vai, como direi, "sentir a necessidade" de talvez fazer um mestrado. E aí é Houston, we have a problem MESMO. Mas muita gente sem essas características que vc cita consegue fazer. Como fiz mestrado e tô no doutorado, conheço muita gente no mesmo barco. E só posso dizer que a imensa maioria tem sérios problemas de bloqueio na hora de escrever a tese. Tem gente que fica até com depressão. É normal, até porque é uma experiência bem solitária. Acho que conheci umas 3 ou 4 pessoas que não ficaram bloqueadas e conseguiram escrever a tese numa boa. São exceções - e como as invejo!
www.escrevalolaescreva.blogspot.com

Frau Bersch disse...

o que raios vem a ser "imaginação disciplinada"? Até onde eu saiba, ou é imaginação, ou é disciplinada!

e quando minhas netinhas começam a falar em monografia, eu passo a perceber que não tem jeito: eu sou uma fabicana velha!

natusch disse...

Depressão pré-monografia. Você ainda vai ter uma =P

Paula disse...

O que me leva a pensar, quando custa um mono mesmo? Ok, ok. Eu sei. É tudo uma questão de manter a mente quieta, a espinha ereta e o coração tranquilo. Malditos 3, 4. =p