4.9.08

Tomara

Noventa por cento das terras do Paraguai são controlada por 500 famílias enquanto outras 350 mil não tem terra nenhuma (lembra algum lugar?). Conversei ontem com o embaixador do país, Mário Sandoval, e perguntei:
"A reforma agrária - uma das plataformas principais da campanha de Lugo - vai sair mesmo?"
Ele não titubeou, tentou me enrolar, nem nada. Apenas disse:
"Sim. Tenho fé que sim."
Um país na América Latina em que a reforma agrária não é só uma promessa, mas uma meta séria de governo. Será?

Nenhum comentário: