3.9.08

Pedágios e o Duplica RS

Uma das propostas da governadora do Estado é o Duplica RS. Parte dos programas estruturantes, ele pretende manter as concessionárias nos pedágios por mais 15 anos e assim duplicar 120km de rodovias entre outras coisas além de "ampliar a capacidade de tráfego no sistema rodoviário estadual, visando superar os principais gargalos logísticos e reduzir o custo total do transporte". Reproduzo aqui parte de um post do blog do Fórum Nacional de Usuários de Rodovias Pedagiadas, que pode ser encontrado também lá na Corja junto com outras explicações legais da reação da Yeda a questionamentos sobre a sua relação com as concessionárias.
Admito, fui bairrista e coloquei só os dados referentes a Caxias e a Capitar, mas visitando o FNURP dá pra pegar o rombo de todo o Rio Grande.

Entenda o DUPLICA / RS com números

ASSOCIAÇÃO DOS USUÁRIOS DE RODOVIAS - “ASSURCON / SERRA”
Prorrogação por mais 15 anos após 2.013, fechamento das vias alternativas e instalação de novas praças de pedágios previstas nos contratos, como é o caso da RS030.
Argumento básico para a prorrogação dos contratos através do DUPICA/RS: compensar prejuízos até hoje manifestados pelas concessionárias, mas que não se possuem dados confiáveis, para que façam as obras que seguem relacionadas abaixo e que foram divulgadas em Santa Cruz do Sul.
Critério: como as concessionárias dos Pólos de Pedágios até hoje não fizeram obras, foram somados os valores arrecadados até 2007 e os valores projetados a serem arrecadados pelo DUPLICA/RS e o que representam os “investimentos” em relação a arrecadação total.

PÓLO METROPOLITANO - Porto Alegre
Guaíba até Sentinela do Sul ........ 98 km
Obra de duplicação de 62 km de 2.008 até 2012 ao custo de R$ 194 milhões
Sentinela do Sul até Camaquã ..... 36 km
Obra de duplicação dos 36 km, de 2012 até 2014 ao custo de R$ 112 milhões
Eldorado do Sul até o entroncamento da BR/153.....205 km
Obra de duplicação de 50 km, de 2008 até 2010 ao custo de R$ 170 milhões
Gravataí até Osório na RS 030 ..... 74 km
Obra de aumento de capacidade nos 74 km, de 2008 até 2013 ...R$ 22 milhões
Viamão até Pinhal ..... 84 km
Duplicação de 01 km e aumento de capacidade em 83 km
de 2008 até 2013 ..................... ao custo de R$ 76 milhões
Total dos investimentos de 2008 até 2014..... R$ 574 milhões
Até 2007 o Pólo METROPOLITANO já arrecadou, sem correção, R$ 357.653.014,00
Arrecadação, histórica, projetada de 2008 até 2028 ................R$ 1.467.965.840,00
Portanto, somando o arrecadado, com o arrecadar 32% serão destinados para obras

PÓLO CAXIAS DO SUL - Convias S/A
Caxias do Sul até Campestre da Serra ........ 75 km
Obra de duplicação de 2 km e aumento da capacidade em 5 km
de 2008 até 2011 ao custo de R$ 24 milhões
Caxias do Sul até Nova Petrópolis ...... 30 km
Obra de duplicação de 01 km e aumento de capacidade de 5 km
de 2008 até 2010 ao custo de R$ 13 milhões
Farroupilha até São Vendelino pela RS 122 .... 12 km
Obra de aumento de capacidade de 4km de 2008 até 2012 ... R$ 7 milhões e 300 m.
Viaduto na RS 122 – Tramontina – Km 60 208 / 2009 ao custo de R$ 10 milhões e 700 m.
Interseção na RS 122/RST 453 para Caxias do Sul / Flores da Cunha
de 2008 / 2009 ao custo de R$ 16 milhões
Duplicação da BR-116 – Marcopolo até a Av. São Leopoldo – 1,8 km ..sem data e valor
Duplicação da BR-116 – em Vila Cristina 1,2 km ... sem data e valor
Total dos investimentos de 2008 até 2011 .... R$ 71 milhões
Até 2007 a CONVIAS já arrecadou, sem correção, R$ 233.355.404,00
Arrecadação, histórica, projetada de 2008 até 2028 ...... R$ 992.194.440,00
Portanto, somando o arrecadado com o arrecadar 7% serão destinados para obras
...............................................................................................................................................................
SÍNTESE GERAL
Valores, sem correção, já arrecadados até 2007........................ R$ 1.621.461.159,00
Valores da arrecadação, sem correção, se houver a prorrogação R$ 6.440.992.720,00
Soma do item “1” com o “2”, arrecadação histórica de .......... R$ 8.062.453.879,00
isto se continuarmos por 20 anos com o mesmo número de veículos e se as vias alternativas permanecerem abertas, caso contrário irá além dos 15 bilhões, valores de hoje.
Soma total dos valores dos investimentos do DUPLICA/RS até 2017, sem correção...... R$ 1.363.000.000,00 ..... portanto, em média, 16% da arrecadação será para obras
e mais de 80% serão custos. Dá para admitir que se prorroguem os contratos dos Pólos de Pedágios através do DUPLICA/RS?
...............................................................................................................................................................
CONCLUSÃO
Os Pólos de Pedágios tem como custos mais de 80% da arrecadação
Os Pedágios Comunitários possuem um custo médio de 15%
Os Pólos de Pedágios investem menos de 20% nas rodovias
Os Pedágios Comunitários possuem 85% da arrecadação para obras
Pergunta: por que para ter um benefício (estradas boas) se teima em pagar mais, se
os usuários de rodovias podem pagar menos?
O Governo Estadual quer duplicar o que mesmo?
E os Deputados vão aprovar uma improbidade administrativa evidente?
Agenor Basso – (54) 9974.4008

Nenhum comentário: