17.5.10

Domingo à noite vamos sair pra dançar, por favor

E esse foi o ano em que viramos todos oficialmente "adultinhos". Sem a desculpa da prova terça-feira de manhã, sem pai nem mãe pra rechear a conta bancária, pagar o aluguel e evitar semanas de miojo, sem alguém pra pôr o lixo na rua, fazer o almoço, dizer que vai ficar tudo bem.
Só você, a metralhadora da sua cabeça e o peso das suas escolhas. Cada passo um caminho, cada caminho 99 que ficam para trás em progressão geométrica. Mundo mundo vasto mundo se eu me chamasse Raimundo seria uma rima, não seria uma solução.

Um comentário:

Signorina Benvenuti disse...

Ano de ficar adultinho é em relação à formatura? Se for isso, tenho boas notícias. Todo o pessoal que se formou comigo e antes de mim também tá muito mais feliz agora, com empregos e vidas engrenando. O tempo, fia!