18.4.15

Sobre escrever

Às vezes tu acha que não vai ser capaz de escrever nada, passar nada, daí nasce uma flor. Ou não nasce nada mesmo e sobra só a dor na boca do estômago.

Nenhum comentário: